A maioria de nós pode olhar ao redor e encontrar lembranças de boas intenções. Prontamente, vemos coisas que nunca chegamos a fazer a fim de alcançar certo objetivo. Aquela esteira ou bicicleta ergométrica estão empoeiradas. O piano, cujo objetivo era preencher nossos sonhos musicais, permanece silencioso. Os livros empilhados no criado-mudo esperando para serem lidos.
 
        E o mais importante: crianças da família esperando nossa atenção. Toda criança tem dons e talentos aguardando para serem desenvolvidos – mas isto leva tempo.
 
        Para ativar um potencial, é necessário fazer um esforço extra. Isso não acontece simplesmente. O tempo necessário para uma intereação significativa nem sempre "aparece" durante um dia cheio de compromissos.
 
        O tempo que Deus nos dá é nosso para ser gasto – nós determinamos como iremos usá-lo. Podemos preenchê-lo de atividades benéficas, ou podemos deixá-lo escoar por entre os nossos dedos hora por hora, dia por dia, semana por semana. Quando percebemos, passou-se um ano inteiro e muito pouco foi realizado.
 
 
        Enquanto você viver, seu tempo – 24 horas, 1.440 minutos, 86.400 segundos por dia – será gasto. Cabe a você decidir como irá gastá-lo.
 
 
        Aceite o desafio de fazer cada instante valer a pena! Tranforme a ida ao dentista com seu filho numa aventura, um tempo para ouvir, aprender e compartilhar a sabedoria de Deus. Existe uma hora livre quando você pode sentar-se tranqüilamente e ler um capítulo ou dois daqueles livrosí
 
 
        Olhe para aquilo que planejou e organize suas prioridades conforme os alvos que estabeleceu para sua vida. Faça o mesmo amanhã e depois. Em pouco tempo, a sua vida se tornará mais produtiva e mais realizadora.
 
Extraído do Livro: Café da Manhã com Deus
United Press

 

 
 


Devocionales Cristianos www.devocionalescristianos.org

1 COMENTARIO

  1. Vou te dar uma bela notícia que vem de além mares. Desde há dez anos pus-me a decifrar esse tal enigma: o Tempo. Parece-nos um vilão, mas se o conheces logo vira amigo íntimo.
    Era apenas uma pesquisa, mas a coisa descambou, e hoje está virando livro. Acreditas que até a Teoria da Relatividade este livro irá mudar?

    Pois bem.
    O livro ainda não saiu, mas estou brigando com alguns editores, inclusive uns de Portugal.
    O problema é que esses editores se acostumaram a publicar lixo (literatura de massa). Eles não se lembram mais o que vem a ser literatura de qualidade.

    Cordialmente,

    robertoescritor@gmail.com

DEJA TU OPINIÓN

Por favor ingrese su comentario!
Por favor ingrese su nombre aquí